quarta-feira, 30 de abril de 2014

»Divulgação» - Debate: “Temos mesmo de pagar a Dívida?”


Todos os dias se fala na “Dívida”. Mas afinal, o que é isto da “Dívida”? Que “Dívida” é esta? De onde vem? Fomos nós que a contraímos? Temos mesmo de a pagar? Toda ou só parte? Se parte dela foi contraída para salvar os bancos porque não pagam eles a dívida? Haverá só um caminho para resolver o problema da dívida? Se há outros porque não nos falam neles? Qual o papel e contribuição que cada um pode dar à resolução deste problema? 
 
São perguntas que três oradores convidados, em conversa e em debate informal, democrático e apartidário, procurarão dar resposta, analisando todas estas e outras questões, de forma crítica e reflexiva, este sábado, 3 de maio, a partir das 15h30, na Biblioteca Municipal Aquilino Ribeiro, em Moimenta da Beira.
São oradores: João Jordão, doutorando em Urbanismo e trabalhador precário num call center, que integra o Comité para a Anulação da Dívida Pública Portuguesa e escreve no blogue Casa das Aranhas; Rui Viana Pereira, também do Comité para a Anulação da Dívida Pública Portuguesa e uma das pessoas que fundou o “Democracia e Dívida”; e Vítor Lima, economista, autor do blogue Grazia Tanta e também fundador do “Democracia e Dívida”.

A organização, a que a autarquia se associa, é da “Karisminovador Associação”, uma agremiação de Moimenta da Beira. A entrada é livre.
Fonte: Local.pt

«Divulgação» - Uma aula aeróbica para todas as mães

Para comemorar o Dia da Mãe, que se celebra em Portugal no domingo, 4 de maio, a Associação Moimentense de Apoio à Infância (AMAI) promove nesse dia uma aula aeróbica no estádio municipal de Moimenta da Beira (das 10 às 11 horas), destinada a todas as mães do concelho. “Estão todas convidadas, basta que apareçam equipadas”, explica Sílvia Pinto, da AMAI.

O Dia da Mãe é comemorado anualmente, em Portugal, sempre no primeiro domingo de maio, em homenagem à Virgem Maria, mãe de Cristo. Mas inicialmente era celebrado no dia 8 de dezembro. Tem como objectivo homenagear e presentear todas as mães e é comemorado em todo o mundo, embora em datas diferentes. Os Estados Unidos da América foram o primeiro país a oficializar o Dia da Mãe, em 1912.
Fonte: CMMB

terça-feira, 29 de abril de 2014

«1ª Página» - Jornal Terras do Demo

(Clique na imagem para ampliar)

«Divulgação» - Domingo, passeio BTT em Soutosa

É o XII passeio em bicicletas todo-o-terreno (BTT) organizado pela Associação Cultural e Recreativa de Soutosa. Realiza-se no próximo domingo, 4 de maio, com partida marcada para as 9h15 junto à sede da agremiação, no largo Aquilino Ribeiro, em Soutosa. Moimenta da Beira.
 
São dois percursos, um de aproximadamente 46 quilómetros, de dificuldade mádia, e outro de 26 quilómetros, de dificuldade baixa. Um e outro atravessam trilhos da serra e trilhos ao longo do rio Paiva. “Mais uma vez pretendemos proporcionar aos amantes do BTT, um excelente dia de convívio, onde pontificam o contacto com a natureza e a beleza das nossas terras”, sublinham os organizadores.

Ambos os trilhos estão devidamente sinalizados, sendo que uma primeira parte do percurso é comum aos dois. A organização garante, depois de percorridos 20 quilómetros, reforço, com frutas, enchidos caseiros, presunto, queijos, doces, pastelaria diversa, águas, sumos, vinho, cerveja…etc. e vários abastecimentos líquidos.
Fonte: Local.pt

segunda-feira, 28 de abril de 2014

«Divulgação» - IRS Solidário - Bombeiros V. Moimenta da Beira

Ajude a ajudar. Ainda vamos a tempo.

Partilhe!


«Notícia» - Oposição vê proposta aceite em reunião de câmara



Foi na passada semana que os vereadores da oposição (CDS/PSD), em Moimenta da Beira, viram aprovada por unanimidade a proposta que visa ajudar, e informar, os empresários do concelho a candidatarem-se aos novos fundos comunitários do programa “Portugal 2020”.

Cristiano Coelho e Luís Carlos Silva pretendem assim, e segundo o texto da proposta, que “...o Município possa ser um parceiro empresarial, até porque, como é sabido, Moimenta da Beira cobra mais de derrama que qualquer um dos nossos concelhos vizinhos. Existe portanto o dever moral de provar porque vale a pena investir no nosso concelho.”.

O vereador do CDS, em entrevista, mostrou-se “muito satisfeito com a aceitação da proposta por parte do executivo camarário”, até porque, ressalva, “esta é uma proposta sem qualquer custo para o município que, assim, ajuda os comerciantes e empresários a lucrarem e a serem mais competitivos”.

É sabido que os fundos comunitários, do próximo quadro comunitário que vai de 2014 a 2020, têm uma grande parte dedicada ao apoio às PME do interior, motivo que leva o vereador a considerar que “esta é uma oportunidade que nos é dada para tentar conseguir a tão ambicionada coesão territorial, às vezes critica-se o Governo sem que se atenda às ferramentas que nos são dadas para progredir”. Finaliza dizendo: “O grande problema dos nossos comerciantes e empresários, está na falta de informação. Com esta medida, os agentes económicos locais, passam a ter acesso a uma ajuda gratuita que pode aumenta a sua competitividade e ser sinónimo de atração de novas empresas para o município”.

Embora o executivo tenha proposto que não se fixe nem o número de dias, nem o número de funcionários que ficam afetos a esta medida, a deliberação aprovada no dia 22 de abril avança no município de Moimenta da Beira.
Fonte: ViseuMais

domingo, 27 de abril de 2014

sábado, 26 de abril de 2014

«Desporto» - Meias-Finais Taça AF Viseu

O Moimentense Kiko, com um grande golo, colocou o CDR na final da taça da AF Viseu, a realizar dia 24/05/2014 contra os vizinhos de Vila Nova de Paiva.

Uma coisa é certa, a taça 2013/14 fica nas Terras do Demo.

Veja o resumo, o grande golo do Kiko (minuto 3:15)




"O CDR Moimenta da Beira está pelo segundo ano consecutivo na final da Taça Sócios de Mérito. Os finalistas vencidos da época passada conseguiram assegurar nova presença no jogo decisivo ao bater o hoje Penalva do Castelo por uma bola a zero. O golo da vitória foi apontado por Kiko ao minuto 65, O jovem avançado moimentense recebeu a bola ainda no seu meio campo e iniciou uma corrida vitoriosa que só culminou com um remate para o fundo da baliza de Maló. A 24 de Maio pelas 17 horas a equipa de Jorge Febras vai defrontar o Paivense, que derrotou também esta tarde o Oliveira de Frades por 5-0, garantindo também a presença na final da Taça Sócios de Mérito."




Fonte: SportViseu

sexta-feira, 25 de abril de 2014

«Divulgação» - Dois oficiais militares cúmplices da revolução



22 de abril, Moimenta da Beira, auditório municipal. Sala cheia de jovens no primeiro momento alto do programa das comemorações dos 40 anos do 25 de abril. Na mesa, dois oficiais militares cúmplices da revolução dos cravos, um deles, o coronel José Maria Azevedo, autor de um dos primeiros documentos redigidos à época. O outro, o vice-almirante António Cavaleiro Ferreira, coadjutor de Victor Alves e assessor (indicado) de Adelino da Palma Carlos, figuras de proa de abril. A conferência, que juntou os dois, moderada por António Bondoso, jornalista, abriu o programa das celebrações de abril.

“O Movimento dos Capitães começou por ser corporativo, criado por razões profissionais, mas rapidamente transformou-se patriótico, exigindo à cabeça a mudança do rumo político do país e o derrube do regime vigente”, assumiu o coronel, que desfiou memórias, alertando a plateia que “abril ainda está por cumprir”.
O golpe falhado de 16 de março foi uma das recordações. Conta o oficial que houve “precipitação”, mas admitiu que foi um “bom ensaio para o sucesso do 25 de abril”.
Falou da ‘brigada do reumático’, de Spínola e de Costa Gomes, de Otelo de Melo Antunes, de Salgueiro Maia e de muitos outros protagonistas que fizeram abril.

Das reminiscências de abril falou também Cavaleiro Ferreira, vice-almirante que palmilhou as antigas colónias. Esteve em S. Tomé, em representação da Junta de Salvação Nacional, e ali viveu experiências. Falou do ‘problema’ da Guiné Bissau, “uma guerra sem solução”, disse. E lembrou a importância do exército no 25 de abril, deixando uma farpa: “Se Portugal precisar, quem defende o país?”, numa alusão ao facto do serviço militar ter deixado de ser obrigatório. 
Fonte: CMMB

«Notícia» - Câmara ajuda nas candidaturas ao arrendamento jovem

A Câmara Municipal de Moimenta da Beira vai apoiar os jovens do concelho no preenchimento dos formulários de candidatura à ‘Porta 65’, um programa governamental que presta apoio financeiro ao arrendamento de habitações para residência, atribuindo uma percentagem do valor da renda como subvenção mensal, que vem mencionada no sítio da internet.

No caso específico de Moimenta da Beira a renda máxima admitida no ano de 2014 foi de 291 euros (T0 e T1); 415 euros (T2 e T3) e 525 euros (T4 e T5).
O período de candidaturas está aberto até dia 23 de Maio e os interessados devem dirigir-se, dentro do horário normal, aos serviços sociais da autarquia que funcionam no edifício dos Paços do Concelho.
Podem candidatar-te ao programa jovens com idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 30 anos (no caso de casais de jovens, um dos elementos pode ter até 32 anos) que sejam titulares de um contrato de arrendamento; que não usufruam, cumulativamente, de quaisquer subsídios ou de outra forma de apoio público à habitação; que nenhum dos jovens membros do agregado seja proprietário ou arrendatário para fins habitacionais de outro prédio ou fracção habitacional; ou ainda que nenhum deles seja parente ou afim do senhorio.
Fonte: LOCAL.pt

quarta-feira, 23 de abril de 2014

«25 Abril» - Nove moimentenses recordam o 25 de abril



Deram a cara e falaram do 25 de abril nas suas vidas. Os testemunhos foram recolhidos por colaboradores da Câmara e o vídeo está a ser mostrado em todos os momentos do programa das comemorações dos 40 anos do 25 de abril de 1974, organizado pela autarquia.

Ao todo, foram nove os moimentenses que aceitaram prestar o seu depoimento: António Manuel Almeida (Leomil); João Rodrigues Luís (Alvite); Angelina Conceição Cardoso (Sever); José Rodrigues Pesqueira (Leomil); Benjamim Filipe (Sarzedo); Mário Pinto Correia (Moimenta da Beira); Manuel Fernando Soares (Moimenta da Beira); José Gomes Natário (Soutosa) e Hildérico Coutinho Gomes (Arcozelo da Torre).








terça-feira, 22 de abril de 2014

«25 Abril» - Fernando Ruas e Narciso Miranda num fórum sobre o Poder Local



Quatro ex-autarcas de renome e um advogado ligado a uma associação de desenvolvimento regional sentam-se à mesma mesa, amanhã à noite, quarta-feira, 23 de abril, em Moimenta da Beira, para falarem sobre o ‘Poder Local’ como uma das principais conquistas do 25 de abril de 1974. A conferência tem início às 21 horas, no auditório municipal padre Bento da Guia, e está inserida no programa das comemorações dos 40 anos do 25 de abril, organizado pela Câmara de Moimenta da Beira.

Os autarcas são: Fernando Ruas, ex-presidente da Câmara Municipal de Viseu e da Associação Nacional dos Municípios Portugueses; Narciso Miranda ex-autarca em Matosinhos e ex-secretário de Estado da Administração Marítima e Portuária; Paulo Teixeira, ex-presidente da Câmara de Castelo de Paiva, que viveu a crise da queda da ponte de Entre-os-Rios; e Manuel Ferreira Pinto, 1º presidente da Câmara de Moimenta da Beira eleito pós-25 de abril. O advogado é António Vilar, presidente do Fórum Portucalense, uma associação de desenvolvimento regional. A moderação estará a cargo de Alcides Sarmento, actual presidente da Assembleia Municipal de Moimenta da Beira.

A conferência é aberta ao público e permitirá, depois da intervenção dos autarcas, debate com a plateia.
Fonte: CMMB

«Divulgação» - Meia Final Taça AF Viseu


sábado, 19 de abril de 2014

«Desporto» - Resultados Taça Sócios de Mérito

CDR passa mais uma eliminatória.
Meias finais são a próxima batalha!

(Clique na imagem para ampliar)

Fonte: ZeroZero.pt