sábado, 31 de outubro de 2009

«Futebol» - Liga de Honra 09/10

Sampedrense-Carvalhais domina a 5.ª jornada
A 5.ª jornada do campeonato principal da Associação de Futebol de Viseu não deverá, em princípio, trazer novo líder. O Oliveira de Frades recebe um Campia que se tem mostrado bastante frágil e, portanto, deverá ser um adversário fácil para a equipa orientada por João Bento.
Por seu turno, o Sampedrense que até agora, também, somou por vitórias as partidas já realizadas, vai receber o vizinho Carvalhais. Se em futebol tudo fosse normal, era caso para dizer que a equipa dirigida por Fernando Silva iria vencer o jogo. Só que isso, na maior parte das vezes não é assim. É que o Carvalhais Futebol Clube tem uma equipa com bons executantes e um treinador com muita experiência, Carlos Marques, pelo que o conjunto de S. Pedro do Sul terá de dar tudo se não quiser ser surpreendido.
Quem está também na corrida pelo regresso à 3.ª Divisão Nacional, é a AD Sátão. Também ainda não perdeu, tendo como pior resultado um empate.
Os satenses recebem um Tarouquense bastante moralizado, o que dá para antever um jogo bastante duro. O conjunto orientado por Xano joga em casa e detém, por isso, mais favoritismo, mas também já se percebeu que a equipa dirigida por Filipe Governo não costuma deixara-se atemorizar em ambientes alheios.
Do que não restam dúvidas é que a AD Sátão está à espreita da escorregadela dos dois primeiros para 'saltar' para a liderança.

'Trambelos'
com vida complicada

O Lusitano de Vildemoinhos é uma das quatro equipas que ainda não foram derrotadas e, na próxima jornada, vai jogar em casa com o Lamelas, um adversário difícil e que tem menos um ponto que os 'trambelos'. Assim, estes têm tarefa complicada, mas as dimensões do campo e o relvado, são factores que diferem muito em relação ao terreno caseiro da turma de Castro Daire - o que pode ser uma vantagem.
O Paivense, que ainda não ganhou, vai receber um Sporting de Lamego que está na 'guerra' da recuperação na tabela classificativa. O jogo realiza-se no Campo da Pedralva e tudo pode acontecer.
Já em Molelos, a equipa da casa tem todas as possibilidades de levar de vencida o Parada, tal como acontece em Moimenta da Beira, com os locais a deterem todo o favoritismo frente ao 'lanterna vermelha', o Mortágua.

Estreia de Luís Almeida
em Santa Comba Dão
Depois de ter deixado o Académico, Luís Almeida assumiu, no dia seguinte, o comando técnico do Canas de Senhorim, substituindo Tozé Fonseca. O Canas, apesar de estar no fundo da tabela, aspira à subida, pelo que o jogo que vai disputar contra os 'pinguins' está a causar enorme expectativa.
Com Luís Almeida ao leme, os canenses querem regressar a casa com os três pontos. Só resta saber se o Santacombadense estará pelos ajustes.

Fonte:diariodeviseu

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

«Notícia SIC» - GNR de Moimenta da Beira fez ontem sessão de esclarecimento para idosos sobre burlas

Col.: Rui Requeijo

Jornal Beirão «1ª Página» - 24ª Edição


(Clique na imagem para ampliar)

«Aviso» - Recolha de Sangue



Col: Nuno Bondoso

«Região» Resinorte realizou a sua primeira Assembleia Geral

No passado dia 20 de Outubro, realizou-se em Celorico de Basto, na sede da Resinorte - Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S.A., a primeira Assembleia Geral. Esta concessionária, responsável pela exploração e gestão do sistema multimunicipal de triagem, recolha, valorização e tratamento de resíduos sólidos urbanos do Norte Central até 31 de Dezembro de 2039, resultou da fusão da Rebat, Resat e Residouro e irá ainda agregar os municípios pertencentes à Associação de Municípios do Vale do Douro Norte (AMVDN) e à Associação de Municípios do Vale do Ave (AMAVE). O novo sistema integra como utilizadores originários os municípios de Alijó, Amarante, Armamar, Baião, Boticas, Cabeceiras de Basto, Celorico de Basto, Chaves, Cinfães, Fafe, Guimarães, Lamego, Marco de Canaveses, Mesão Frio, Moimenta da Beira, Mondim de Basto, Montalegre, Murça, Penedono, Peso da Régua, Resende, Ribeira de Pena, Sabrosa, Santa Marta de Penaguião, Santo Tirso, São João da Pesqueira, Sernancelhe, Tabuaço, Tarouca, Trofa, Valpaços, Vila Nova de Famalicão, Vila Pouca de Aguiar, Vila Real e Vizela.

Fonte:noticiasdebasto

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

«Info» - Supernova na semana do Caloiro de Viseu

A banda moimentense, Supernova, vai marcar presença na Semana do Caloiro de Viseu, no próximo dia 11 de novembro (quarta-feira), no mesmo dia em que também tocará o português, Gomo. Esta é a terceira vez, que o quinteto de Moimenta da Beira pisa o palco viseense, depois de passagens em 2008 e em Abril deste ano.


terça-feira, 27 de outubro de 2009

«Pedaladas» Encerramento Época de Estrada 2009

Como vem sendo hábito ao longo dos anos, o Pedaladas encerrou a época de estrada no passado domingo, no primeiro dia da hora de inverno, na Lapa, onde a tradição manda comer as bôlas da Lapa bem regadas com bom vinho verde.
Foi este o último domingo do ano em que a saída semanal foi feita em bicicleta de estrada, sendo que de agora em diante o convívio semanal será feito em bicicleta de todo o terreno, BTT.
Estas saídas são realizadas todos os domingos, às 9h, na rotunda da central de camionagem, abertas aos sócios do clube, assim como a toda a população em geral.
As fotos do encerramento podem ser vistas neste link.

«Pedaladas» 2º Passeio BTT Rota da Castanha e do Castanheiro, Sernancelhe

O Pedaladas Clube de Cicloturismo de Moimenta da Beira fez-se representar em Sernancelhe por dois atletas, Luís Morgado e Paulo Pereira, neste que era um Passeio BTT organizado pelos Bombeiros Voluntários locais com o apoio da Câmara Municipal.
Com 80 participantes, com 2 opções de percurso, 30 e 50 km, foi um evento bastante bom e muito agradável passando por belos trilhos e paisagens muito bonitas.
A realçar, a fluidez do secretariado bem organizado, os banhos quentes e com boas condições e o bom almoço servido aos participantes.
Fotos do evento aqui neste link.

«Destaque» - Universidade Sénior de Moimenta da Beira

domingo, 25 de outubro de 2009

"Passatempo"- C.D.R. Aposta de Resultados

Na tabela ao lado surge a classificação geral.

Os resultados desta jornada foram:
Sp. Lamego 2-1 CDR

Próxima ronda de apostas:
1 Novembro 15:00
CDR Vs Mortágua

Convém lembrar que a ronda de apostas fecha às 13 horas de Domingo.

Aceitam-se novos "apostadores" em qualquer jornada.

Boas Apostas

"Crónica-Arqueologia" - O Circuito Pré-Histórico da Nave

A Nave é uma zona de planalto que ocupa essencialmente os concelhos de Moimenta da Beira, Vila Nova de Paiva e Castro Daire. Encontra-se delimitada pelas serras de Montemuro e da Lapa, bem como pelos vales dos rios Paiva, Vouga e Távora. Apresenta cotas que vão desde os 600 aos 1000 m, atingindo o seu ponto mais alto a Sudoeste da povoação do Porto da Nave (1016 m), zonas de nascente de vários cursos de água, entre os quais o Paiva e o Varosa.
Na tentativa de recuperar alguns sítios arqueológicos existentes nesta paisagem serrana e, ao mesmo tempo, promover o desenvolvimento turístico-cultural do concelho, a autarquia de Moimenta da Beira decidiu criar o Circuito Pré-Histórico da Nave.
O circuito foi elaborado pela Empresa Arqueohoje – Conservação e Restauro do Património Monumental, Ldª (Viseu), em 1999, através de uma estrada de terra batida com cerca de 15 kms de comprimento, em torno das freguesias de Peravelha, Ariz e Alvite.

Estátua-Menir de Peravelha


Os monumentos pré-históricos que o integram são os seguintes: Orca da Fonte do Rato, Orca do Bebedouro I, Bebedouro II, Chã das Lameiras, Orca Grande, Orca de Seixas, Orca das Carquejas, Estátua-Menir de Peravelha (ver imagem) e o Povoado do Castelo (esta é a ordem dos monumentos para quem inicia o percurso a partir da Quinta dos Caetanos, freguesia de Alvite).
Uns foram devidamente intervencionados e recuperados (como foi o caso da Orca de Seixas) e outros simplesmente limpos, vedados e sinalizados.
Este circuito encontra-se devidamente auxiliado por uma brochura promocional, placas sinalizadoras, painéis explicativos (junto aos monumentos), onde o visitante poderá observar e compreender uma necrópole megalítica, uma estátua-menir e um povoado amuralhado. Além disso, acaba por ser um passeio único e agradável, onde também poderá admirar os ricos e diversificados recursos paisagísticos/ecológicos locais.
Contudo, para justificar este projecto turístico-cultural, recomenda-se a limpeza/manutenção periódica dos locais recuperados/valorizados, mormente no retardamento da vegetação e substituição do equipamento (sinalética) entretanto vandalizado.
Publicado no Jornal Beirão de 09/01/2009

Autor: José Carlos Santos

sábado, 24 de outubro de 2009

«Desporto» Antes a Taça de Portugal, depois desta as Competições Europeias e, agora, a Liga Sagres!

Na Taça de Portugal não existiram para já as esperadas grandes surpresas, embora tenhamos visto a Olhanense, que correu o país de lés a lés, a “cair” em Valença do Minho perante a equipa local, o Valenciano, e o Marítimo que voou desde a Madeira até aos Açores para perder com o Santa Clara. Dos encontros disputados, um mereceu a minha atenção, não o jogo, mas sim o nome dos opositores: Cruzado Canicense vs Vigor Mocidade, interessante…

Nas competições europeias, obtiveram-se bons resultados, à excepção do Nacional que apesar de ter chegado ao intervalo do jogo, em Bilbau, em vantagem, acabou por o perder. De todos o jogos, o maior realce vai para o SL Benfica, que “varreu” os britânicos do Everton com 5 golos sem resposta, mais uma goleada para a história!

A 8ª jornada da Liga Sagres começou, ontem, com o primeiro embate que ditou um empate, e ainda por cima sem golos, em jogo entre o Belenenses e o Olhanense, felizmente, parece-me a mim, que não me lembrei de ver… Dos restantes jogos, existe um que possivelmente será interessante de seguir, o Guimarães vs Sporting, isto é, se o visitante jogar um pouco melhor do que aquilo que tem vindo a acontecer!

César Bernardo

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

"Futsal"- Casa do Benfica de Moimenta da Beira

A equipa de Futsal da Casa do Benfica do Concelho de Moimenta da Beira inicia amanhã, dia 24 de Outubro o campeonato da 1ª Divisão da AF Viseu.

A equipa de Moimenta da Beira desloca-se a Lamego para disputar os três pontos ao mesmo tempo que apadrinhará a estreia da equipa visitada nestas andanças do Futsal. Sendo este o segundo ano dos Moimentenses na modalidade e, agora com mais experiência, o treinador Rui Matos, declarou a um jornal local que tem como objectivo traçado para esta época, a subida de divisão.

Felicidades para todos os intervenientes neste projecto que, tem como objectivo representar o bom nome do Concelho de Moimenta.

Autoria do texto: Bruno Santos

«Info» - Via Nocturna...êxito!!

Informa-se que, foi recentemente editada nos Açores uma revista chamada Metal Bit IX com o alto patrocinio do Governo dos Açores, em que o programa -Via Nocturna- da Rádio Riba Távora é uma das entidades do continente seleccionadas para participar na elaboração da revista através da análise critica a alguns lançamentos oriundos daquele arquipélago.



O blogue MoimentaNaNet felicita o Pedro Carvalho pelo magnifico trabalho realizado ao longo destes anos.

Galileu nas Noites de Moimenta da Beira


quinta-feira, 22 de outubro de 2009

«Destaque» - Referência à Albufeira de Vilar



«Nacional» - Novos Ministros

O primeiro-ministro esteve hoje, quinta-feira, no Palácio de Belém, para apresentar o novo Executivo a Cavaco Silva. Conheça os novos ministros de José Sócrates.

A tomada de posse do novo Governo de José Sócrates irá realizar-se segunda-feira, no Palácio da Ajuda, pelas 12:00 horas.

O encontro entre Cavaco Silva e José Sócrates não foi divulgado à comunicação social, mas uma câmara da SIC se encontrava no exterior do Palácio de Belém junto à entrada lateral na Calçada da Ajuda recolheu imagens do carro do primeiro-ministro indigitado a sair, cerca das 17:40 horas.

Lista dos ministros propostos pelo primeiro-ministro, José Sócrates, a Cavaco Silva:

Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros
Dr. Luís Filipe Marques Amado

Ministro de Estado e das Finanças
Prof. Doutor Fernando Teixeira dos Santos

Ministro da Presidência
Dr. Manuel Pedro Cunha da Silva Pereira

Ministro da Defesa Nacional
Prof. Doutor Augusto Santos Silva

Ministro da Administração Interna
Dr. Rui Carlos Pereira

Ministro da Justiça
Dr. Alberto de Sousa Martins

Ministro da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento
Dr. José António Fonseca Vieira da Silva

Ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas
Prof. Doutor António Manuel Soares Serrano

Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações
Prof. Doutor António Augusto da Ascenção Mendonça

Ministra do Ambiente e do Ordenamento do Território
Engª. Dulce dos Prazeres Fidalgo Álvaro Pássaro

Ministra do Trabalho e da Solidariedade Social
Drª. Maria Helena dos Santos André

Ministra da Saúde
Drª. Ana Maria Teodoro Jorge

Ministra da Educação
Drª. Isabel Alçada (Maria Isabel Girão de Melo Veiga Vilar)

Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior
Prof. Doutor José Mariano Rebelo Pires Gago

Ministra da Cultura
Drª. Maria Gabriela da Silveira Ferreira Canavilhas

Ministro dos Assuntos Parlamentares
Dr. Jorge Lacão Costa

Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros
Dr. João Tiago Valente Almeida da Silveira

Fonte:JN

terça-feira, 20 de outubro de 2009

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

«Meteorologia» - Chuva está de regresso

Três concelhos dos distritos de Viseu, Aveiro e Portalegre estão hoje com risco máximo de incêndio, num dia que será marcado pelo regresso da chuva a Norte de Portugal continental, segundo o Instituto de Meteorologia (IM)

Os concelhos com maior risco são Moimenta de Beira, no distrito de Viseu, Anadia, em Aveiro, e Gavião, em Portalegre.

O risco de incêndio é ainda muito elevado em vários concelhos dos distritos de Faro, Beja, Santarém, Leiria, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Porto, Braga e Bragança.

Apesar deste risco de incêndio, o IM prevê para hoje, nas regiões do Norte e Centro, céu geralmente pouco nublado, aumentando de nebulosidade a partir da tarde.

Aguardam-se períodos de chuva fraca a partir do final da tarde a norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela.

No Sul, o céu vai estar temporariamente nublado por nuvens altas.

Para Portugal continental aguarda-se uma pequena descida da temperatura.

O risco de incêndio determinado pelo IM engloba cinco níveis, que variam entre o reduzido e o máximo.

O cálculo do índice de risco de incêndio é feito com base nos valores observados às 13h do dia anterior, da temperatura do ar, da humidade relativa, da velocidade do vento e da quantidade de precipitação ocorrida nas últimas 24 horas.

Lusa / SOL

domingo, 18 de outubro de 2009

"Passatempo"- C.D.R. Aposta de Resultados


Na tabela ao lado surge a classificação geral.

Os resultados desta jornada foram:

CDR 2-1 Paivense

Próxima ronda de apostas:

25 Outubro 15:00
Sp.Lamego Vs CDR

Convém lembrar que a ronda de apostas fecha às 13 horas de Domingo.

Aceitam-se novos "apostadores" em qualquer jornada.

Boas Apostas

sábado, 17 de outubro de 2009

«Desporto» A selecção… e também a taça!

Agora, que de uma forma clara conseguimos colocar a calculadora de lado, resta-nos esperar que a nossa Selecção consiga seguir em frente nos Play-off e desta forma possa integrar o grupo restrito de selecções que irão participar no Mundial em 2010 na África do Sul. Tornou-se num percurso bastante mais complicado do que aquilo que podíamos e devíamos ter feito, mas não queríamos nós que fizemos a mesma figura da vizinha Espanha, que em 10 jogos conseguiu 10 vitórias, não, isto não queríamos…

Depois da selecção, temos de volta o futebol nacional, e logo com a famosa “festa do futebol “, a Taça de Portugal, que me obriga a deixar uma questão, haverá surpresas?!

Um abraço amigo,

César Bernardo

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

"Futsal" - Casa do Benfica de Moimenta da Beira

A Casa do Benfica do Concelho de Moimenta da Beira, fará no próximo dia 17 de Outubro, pelas 17.30H, no Pavilhão Municipal de Moimenta da Beira aquele que será o seu último jogo de preparação e, ao mesmo tempo o seu jogo de apresentação.

A equipa que representa o Concelho de Moimenta da Beira realizou, até ao momento três jogos amigáveis:

CB Moimenta da Beira - 2 Rio de Moinhos - 2
SM Mouros - 4 CB Moimenta da Beira - 5
Travassô - 3 CB Moimenta da Beira - 4

Sábado será a vez de defrontar no seu reduto a equipa que, tal como a Casa do Benfica de Moimenta da Beira disputa a 1ª Divisão do Campeonato Distrital da AF Viseu, a equipa AD Rorizense.

Como já referi, este será o ultimo jogo da equipa de Moimenta uma vez que, no dia 24 do corrente mês iniciará as competições com a deslocação ao Lamego Foot.

A equipa da CB Moimenta da Beira ficou na 4ª posição na última época e, certamente terá ambição de um lugar melhor na época que se avizinha.

Autoria do Texto: Bruno Santos

"Autásquicas" - Junqueiro considera que acabou o mito «Cavaquistão»

O líder da Federação do PS, José Junqueiro, reuniu na terça-feira em Viseu os nove presidentes de Câmara que o partido elegeu no distrito, entre os quais os cinco novos autarcas de Tabuaço, Vila Nova de Paiva, Castro Daire, Moimenta da Beira e Mangualde, noticia o Diário de Viseu.

O encontro serviu, sobretudo, para apresentá-los aos jornalistas e, em simultâneo, para comentar os resultados autárquicos que, na opinião de Junqueiro, "mostram que o PS reforçou a confiança junto do eleitorado".

"As legislativas consolidaram a presença do PS no distrito e as autárquicas permitiram esta progressão", começou por analisar. Depois, socorreu-se dos números para acentuar a perda de influência do PSD e a esperança do PS em progredir na frente autárquica, já de olhos postos em 2013.

"O PSD tem 12 câmaras, contra 9 do PS, e 3 da coligação PSD/CDS. Com estes números, não se pode continuar com o mito de Cavaquistão em relação ao distrito de Viseu", observou.

Segundo o Diário de Viseu, José Junqueiro destacou, também, concelhos como Penedono e Sernancelhe, onde a derrota socialista aconteceu por margem mínima, o que deixa, desde já, antever, esperança de novas conquistas daqui a quatro anos. "Este resultado deixa em aberto aquilo que é a nossa ambição: continuar a progredir no distrito, na frente autárquica", acrescentou.

O líder distrital mostrou-se, todavia, mais comedido, quando instado a comentar a expressiva derrota do PS na capital do distrito.
Fonte: ViseuMais.com

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

«Desporto vs Politica» Leomil - Criação de percurso pedonal / Ciclovia e parque bio-saudável

Sendo esta a primeira semana após as eleições autárquicas, é normal que certas “promessas” feitas pelas listas concorrentes ao poder local estejam ainda bem frescas na memória das pessoas, e foi isto mesmo que moveu um amigo meu, Paulo Pereira, a escrever no seu blogue…
A apresentação pública deste ambicioso projecto, foi feita através do plano de intenções da lista vencedora das eleições autárquicas 2009 à Junta de Freguesia de Leomil, coligação PSD / CDS-PP, que assim mantém o anterior executivo.
A criação desta ciclovia irá proporcionar a promoção do BTT, bem como a organização de eventos, para além do uso diário de toda a colectividade, seja de bicicleta ou a pé, e ao mesmo tempo ser um incentivo à utilização da bicicleta como meio de transporte alternativo, numa estratégia de mobilidade sustentável, que é defendida a nível nacional por inúmeros municípios. O sucesso da implementação da bicicleta em corredores próprios protegidos é já visível em muitas cidades nacionais e europeias, em muitos casos é utilizada mesmo para as deslocações trabalho/casa, assim como para fins de lazer.
UM EXEMPLO A SEGUIR
Enquanto munícipe de Moimenta da Beira, solto aqui uma ideia. E porque não a Câmara Municipal criar uma rede de ciclovias pelo concelho, nas quais todos pudéssemos circular pelas belas paisagens das nossas terras, 20 freguesias ligadas por um corredor clicável, todas as aldeias e vilas ligadas por trilhos magníficos, ligaria também diferentes equipamentos desportivos, escolares e parques urbanos, articulando ainda com zonas comerciais, eu sei que o leitor dirá, este homem é um sonhador, mas seria extremamente interessante, qualquer amante de BTT e da natureza apoiaria esta obra.
A pensar no futuro, encontramos inúmeros municípios a olhar para as ciclovias como uma forma sustentável de transporte, bem como na diminuição de veículos automóveis nas estradas, para alem da prática desportiva, assim encontramos Câmaras como a do Porto que está a avançar com o projecto “Mobilidade Sustentável”, projecto a concluir até 2013, que irá beneficiar com 876 km de ciclovias toda a sua zona metropolitana, Sintra com 92 km a ligar a cidade à zona costeira, Aveiro com 46 km a ligar Estarreja a Aveiro e terminando na zona das praias, Gaia e Espinho estão na fase terminal da conclusão de uma ciclovia com 56 km de extensão, que se inicia por baixo da ponte da Arrábida e termina em Espinho, sempre à beira-mar.
A Junta de Leomil ruma em direcção ao futuro, só a ideia já é um passo em frente, um passo enorme, mas aproveito aqui para deixar um alerta, já que deram este passo, procurem que a criação da ciclovia seja o melhor possível e que tenha condições para receber várias vertentes, por vezes o Arquitecto ou o Engenheiro olha para o papel e faz como acha mais bonito, procura a imagem mais apelativa para captar o olhar, procurem falar com pessoas ligadas ao pedal e com conhecimentos para vos poderem explicar porque seria melhor o percurso passar por aqui ou por ali, explicar que a via tem de ter uma largura suficiente, deve conter sinalização, não deve cruzar ou passar por estradas com movimento automobilístico, quando possível ser iluminada, ter ramais para trilhos BTT ou qualquer outra vertente do ciclismo, no fundo, obterem ajuda de quem está ligado à modalidade, pois com o mesmo orçamento podem ter uma obra muito mais grandiosa. Como tal disponibilizo-me desde já para ajudar no que poder, assim como o amigo César Bernardo, este com bem mais conhecimentos que eu, também está disponível para vos ajudar, e acredito, que muitas mais pessoas ligadas à modalidade terão enorme gosto em contribuir positivamente.
Esta vila tem potencial para isto e muito mais, força.
Como amante do BTT dou os parabéns pela iniciativa, vamos lá por essa obra a andar, esperamos que não seja só programa eleitoral e que em breve possamos todos dar umas pedaladas por essa via-do-pedal
.”
em: http://paulopereirabtt.blogspot.com/

Esperemos que este projecto seja concretizado, não pela sua vertente politica, mas sim pelo bem que de certeza fará ao desporto e aos seus praticantes, resta-nos esperar, e que outros sigam os seus passos!
Um abraço amigo,
César Bernardo

Alcateia de lobo ibérico ameaçada por parque eólico


O último reduto do lobo ibérico a sul do Douro pode estar ameaçado pela construção de um parque eólico na zona onde vive a alcateia de Leomil, a mais importante e estável desta região do país.

“Pode ser um golpe muito grave para a população de lobos a sul do Douro”, alertou um dos investigadores que tem acompanhado esta alcateia nos últimos anos, frisando que “a construção deste parque eólico é um ataque ao seu último reduto”.

Em causa está a sobrevivência da alcateia de Leomil, que vive numa zona isolada, tranquila e quase sem acessos, que será radicalmente transformada com a instalação do Parque Eólico do Douro Sul, com 103 aerogeradores. Segundo os investigadores, a construção deste parque afectará “mais de 60 por cento do território da alcateia”, incluindo centros de actividade e o local de reprodução, o que pode colocar em causa a sua sobrevivência.

Esta alcateia, enquanto fonte de animais dispersantes, assume também relevância na manutenção da população de lobos na região, pelo que poderá ser também colocada em causa a sobrevivência de toda a população desta espécie a sul do Douro, que já se encontra “isolada e ameaçada”.

O lobo é uma espécie prioritária para a conservação segundo a Directiva Habitats, da União Europeia, além de estar classificado em Portugal como espécie ‘em perigo de extinção’. A legislação nacional proíbe o abate e a captura de lobos, mas também a destruição ou deterioração do seu habitat e a sua perturbação, nomeadamente durante o período de reprodução.

A população de lobos existente a sul do Douro é muito reduzida, apresenta um nível elevado de fragmentação e possui um pequeno efectivo reprodutor, pelo que se caracteriza por uma grande instabilidade populacional. A mais importante e estável alcateia desta região vive na Serra de Leomil, que, apesar de ser um dos últimos redutos do lobo, não possui qualquer estatuto especial de protecção.

Os investigadores que têm estudado a alcateia de Leomil nos últimos anos confirmaram uma elevada taxa de reprodução, pelo que a consideram como a mais estável de toda a região a sul do Douro. Os estudos indicam que a alcateia, ao longo de todo o ano, ocupa de forma homogénea e contínua a Serra de Leomil, entre Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva, onde foram identificados dois centros de actividade.

O principal é a ‘Ribeira dos Cubos’, onde foi confirmada reprodução em Agosto de 2008, sendo considerado o local mais importante para a conservação da alcateia. A ‘Corga do Redondelo’ é o centro de actividade secundário, tendo sido local de reprodução em anos anteriores até que um incêndio, em Agosto de 2005, destruiu a vegetação e a zona deixou de ter condições para albergar a alcateia com as suas crias. Para os investigadores, a protecção destes dois centros de actividade é prioritária, já que se trata de zonas importantes para a preservação do lobo na Serra de Leomil.

Fonte: Público

terça-feira, 13 de outubro de 2009

E o novo Presidente da Câmara Municipal de Moimenta da Beira é...


José Eduardo Ferreira

Notícia publicada dia 11 de Outubro de 2009 às 23:10.

«MNN» - Mais um RECORD


Com o anúncio dos resultados das eleições autárquicas o blogue MoimentaNaNet recebeu, esta segunda-feira,  o maior número de visitas num só dia. Foram 639, os interessados em saber quais os resultados do concelho, perceber a situação actual e comentar as notícias existentes.

É um número fantástico, que marca os quase dois anos de existência deste espaço virtual.

Resta-nos agradecer a todos os utilizadores pela participação e pelo apoio que nos têm dado.

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

«Tradição» - Jantar de Moimenta em Coimbra

Para se manter a tradição decorreu na passada quinta-feira, dia 08 de Outubro de 2009, mais um jantar de estudantes universitários moimentenses em Coimbra. Com quase meia centena de Moimentenses presentes (vindos também de vários pontos do país), o jantar decorreu de forma efusiva e em grande festa. Este, foi servido no restaurante "TERRAS DO DEMO" cujo o dono é, também ele, Moimentense.

video

video

Vídeos: SérgioD

"Passatempo"- C.D.R. Aposta de Resultados

Na tabela ao lado surge a classificação geral.

Os resultados desta jornada foram:

CDR 1-1 Parada


Próxima ronda de apostas:

18 Outubro 15:00
CDR vs Paivense

Convém lembrar que a ronda de apostas fecha às 13 horas de Domingo.

Aceitam-se novos "apostadores" em qualquer jornada.

Boas Apostas

«Crónica-Arqueologia» - O que ainda não foi dito...

O que ainda não foi dito sobre a Casa da Moimenta

Apesar da arquitectura da Casa da Moimenta manifestar uma certa simplicidade e ruralidade, estas são compensadas pela decoração em relevo sobre as portas da sua fachada principal: uma figura antropomórfica (máscara), motivos florais, uma mísula com um molho de colunelos em leque, a inscrição b ROIZ A (interpretada como Rodrigues) e a sua provável datação 1579.
Mas, por tudo isto, este monumento tem suscitado diversas opiniões, uma das quais (para mim, a menos aceitável) aponta que seja a casa do carrasco (nome dado ao indivíduo responsável pela execução de uma sentença).

Porque, se exteriormente nos atrai, esta construção de um só piso habitável com sótão e rés-do-chão (ambos para arrumos), situada na Rua do Pelourinho (Moimenta da Beira), surpreende-nos também pelo seu interior. É o caso de um nicho religioso embutido numa das paredes da sala principal (imagem I), em arco de volta perfeita (altura:0,76m x largura:0,48m), ainda asseado pela família residente – Loureiro.
No meu entender, este elemento esteve sempre ligado a alguém que procurou uma maior proximidade com Deus, assim como dois nichos recentemente identificados noutro edifício (próximo da Casa da Moimenta).
Além disso, ainda no seu interior, ao fundo do corredor de entrada, destacam-se quatro elementos decorativos na pedra de padieira (a imagem II mostra-nos três): um pentagrama (estrela de cinco pontas, à qual são atribuídos vários significados esotéricos), uma rosácea de seis pétalas num círculo (simboliza a eternidade e foi utilizada pelos povos celtas, latinos, etc.), uma cruz latina (símbolo do Cristianismo após Jesus Cristo ser crucificado) e outra rosácea hexapétala.

Numa época em que as pessoas dependiam exclusivamente de si próprias e onde o misticismo se misturava com uma devoção profunda, estas representações, assim como a presença do nicho religioso, na minha opinião, faziam parte das crenças protectoras do povo contra maus-olhados, infortúnios, demónios ou poderes obscuros e servirão, concerteza, para uma análise mais profunda, detalhada e completa da História deste edifício e serão, ao mesmo tempo, importantes para compreender a religiosidade da ocupação humana neste lugar.
E escusado será dizer que a Casa da Moimenta é mais um monumento que deve ser recuperado.

Autor: José Carlos Santos

«Autárquicas 09» - Destaques Imprensa

PS ganha cinco concelhos a PSD no Cavaquistão
Castro D'aire, Mangualde, Moimenta da Beira, Tabuaço e Vila Nova de Paiva foram os cinco concelhos que o PS conquistou ao PSD no distrito de Viseu.

PS tira Câmara de Moimenta da Beira ao PSD
O PS venceu hoje as eleições para a Câmara Municipal de Moimenta da Beira, distrito de Viseu, com 52,88 por cento dos votos, retirando a presidência ao PSD.

Viseu- "Mancha laranja" diminui no distrito, PS "rouba" cinco câmaras
As primeiras foram "roubadas" ao PSD, que naqueles concelhos tinha apostado em recandidaturas. Em Moimenta da Beira, o PS ganhou à coligação PSD/CDS-PP, que tinha como cabeça-de-lista o vice-presidente do executivo.

PSD ganha no distrito de Viseu mas perde câmaras para o PS
O PSD foi o partido mais votado no distrito de Viseu, nas Eleições Autárquicas 2009, realizadas este domingo. O PS conseguiu subir e ganhou 5 câmaras aos sociais-democratas.

Lista oficial de presidentes de Câmara eleitos
Conheça todos os vencedores das eleições autárquicas de 2009.

DE VEZ EM QUANDO...

AS MINHAS MÁGOAS DA NOITE ELEITORAL !

Dando como adquirida a civilizada atitude de felicitar os vencedores e a democrática função de cumprimentar os vencidos, venho aqui humildemente - como "de vez em quando" - falar das minhas "mágoas" desta noite eleitoral !

E começo pelo que diz respeito ao Secretário Geral do PS, José Sócrates: - leu, e bem, os resultados destas eleições autárquicas. O PS teve o maior número de votos, o maior número de mandatos e "recuperou" duas dúzias de Câmaras. Praticamente o número das que perdeu o PSD.

É um facto que o PSD continua a ter o maior número de Câmaras ! Mas MFL não pode negar que perdeu duas dúzias ! E que não teve o maior número de votos. E que não teve o maior número de mandatos !
Certamente se lembrarão dos "argumentos" que a senhora evocou na noite das legislativas, para tentar justificar a derrota do seu partido e diminuir a vitória do PS:- frisou ela e todos os seus "assalariados" que o PS havia perdido meio milhão de votos ! O que não deixou de ser verdade!
Contudo, sendo coerente, deveria agora reconhecer a sua perda de duas dúzias de Câmaras. Mas não o fez e não se coibiu de enviar (confundindo as coisas!) um "recado" político a José Sócrates 1ºMinistro: - não tente prejudicar as Câmaras do PSD.
Compreende-se o seu "desespero" pela morte anunciada do seu ciclo à frente do PSD!
É que Menezes, Passos Coelho e até Marcelo (embora não parecendo) não vão deixar de contabilizar aquelas duas dúzias de câmaras perdidas!
Para além das certezas que eram o Porto e Gaia, a "grande vitória" só aconteceu em Faro ! Numa coligação de 4 partidos ou movimentos e , mesmo assim, por uma escassa meia centena de votos, contra um PS sozinho e a contas com a "responsabilidade" da crise !

Mas o ónus desta crise, que é menos nossa do que mundial, não foi suficiente para - também numa coligação de 4 partidos ou movimentos - conseguir evitar a maioria absoluta do PS em Lisboa !
A grande derrota do PSD neste dia 11 de Outubro de 2009! Do PSD e de MFL ! Santana fez o que pode e mostrou que vale mais do que alguns "pavões" do partido laranja. Como Pacheco Pereira e Aguiar Branco!

Mas falava eu da "mágoa" que foi ouvir José Sócrates referir - para além de Lisboa, Leiria e Beja - outras vitórias "históricas"do PS. Mas nessas não incluiu, talvez porque ninguém lhe tenha feito chegar atempadamente a informação, a "não menos histórica" vitória do PS em Moimenta da Beira! Tal como outras importantes em pleno "Cavaquistão"! Ou agora já não é relevante evocar a figura de Cavaco Silva ?

Pelos vistos não, até tendo em conta a evocação do eterno fantasma de Sá Carneiro que Rui Rio efectuou no Porto.

Mas em Moimenta da Beira, pela primeira vez desde 1976, o PS ganhou a Câmara!

E em pleno século XXI, numa altura em que os EUA confiaram a Presidência a um afro-americano, não é aceitável que ainda se argumente com o rótulo de "Alvite"! Não dignifica os "moimentenses". Como alguns comentários que li neste próprio Blog.

Não conheço o Sr. José Eduardo agora eleito. Certamente não faço parte do seu grupo de amigos, pois não vivo em permanência nesta terra que também é minha por nascimento. Por direito próprio, portanto !
Mas isso não me impede de o felicitar. Mais do que pela vitória...sobretudo pela perseverança! Fui daqueles que, intimamente, colocava algumas dúvidas à sua vitória ! Para mim foi uma "meia" surpresa - pois a coligação PSD/CDS não era de menosprezar. Tal como a "permanência" da figura de José Agostinho nos cartazes da coligação.

Mas chegou a hora de José Eduardo - o que me faz lembrar o falecido Miterrand em França, conhecido a certa altura como o "eterno" candidadto! E o que eu espero, o que todos os moimentenses esperam - é que o novo executivo camarário tenha capacidade, competência e vontade para resolver os problemas de todo o concelho e continuar a fazê-lo progredir !

Moimenta tem força e potencialidades!

E.T. --- "mágoa" foi também ver o BE perder a sua "arrogância". Lisboa e Porto "voaram" como que por magia. Ou terá sido pela "verdadeira realidade" das coisas ?

E a CDU - que o mesmo é dizer o PCP ? Também passou a ter menos câmaras, mas parece não ter deixado de vencer! ........(?).

O CDS ? Que bom é ouvir P.Portas falar de mansinho ! É que o seu partido, para não correr o risco do BE - sem "representatividade" no poder autárquico - não teve pejo em tornar-se praticamente um "satélite" do PSD.


domingo, 11 de outubro de 2009

«Autárquicas 09» - RESULTADOS FINAIS

A tabela já se encontra corrigida.
(clique na imagem para ampliar)

TOTAIS
PS-3879
PSD + CDS-PP - 3198
CDU -67

Abstenção - 4335 - 37.15 %

Votantes - 7335 - 62.85 %

Nulos - 109 - 1.12 %

Brancos - 82 - 1.12 %

sábado, 10 de outubro de 2009

«Mini Crónica Desporto» - A nossa selecção

Tantos são os dias decisivos que a nossa selecção principal de futebol tem, impressionante, diria eu! Hoje, por exemplo não só é um dia importante, como é importante 2x, hoje existem 2 jogos onde Portugal terá, ou não, em “jogo” o tão desejado apuramento para o Mundial 2010; será que a Hungria consegue perder com a nossa selecção?! Será que a Dinamarca levará a melhor sobre a Suécia?! Triste o nosso fado, sempre de calculadora na mão, será que ainda adianta o gasto das pilhas?! Felizmente a minha, a calculadora, funciona a energia solar!

Um abraço amigo,

Crónica "História da Nossa Terra"

Arnas: alguns pormenores da sua História

Segundo o padre Luís Cardoso, no seu Dicionário, escrito em 1747, Arnas pertencia ao Distrito de Entre Côa e Távora, comarca de Pinhel, termo de Sernancelhe. Tinha 86 vizinhos. Dizia o mesmo: “Está situado em hum baixo, ou ladeira virada para o Norte, donde somente se descobre o lugar da Taboinha. A Igreja paroquial deste lugar está fundado no cimo do povo e fora delle.” O padre era apresentado pelo comendador de Sernancelhe e tinha de renda 40 medidas de centeio, 10 de trigo, 10 de milho e as primícias dos vinhos. Eram 6 as ermidas existentes, entre as quais a de S. Sebastião que já tinha sido matriz. Os frutos mais abundantes eram o trigo, milho, centeio, feijão e castanha. A actividade predominante era a agricultura.
Dez anos depois, em 1757, dizia Pinho Leal que Arnas, com orago de N. Sra. da Conceição, pertencia já à comarca de Moimenta da Beira e ao concelho de Sernancelhe. Situada na encosta de um monte, era terra bastante fértil e tinha 104 fogos.
Por sua vez, Américo Costa, no seu Dicionário Corográfico, cita o abade Vasco Moreira para explicar o nome Arnas com o facto do local ser assaz arenoso: “o étimo deve ser do Latim arena, areia, isto é, terra de areias.” No entanto, segundo Almeida Fernandes, Arnas tem origem obscura, referindo não ser possível aceitar o latim arenas com a tónica – re. O pré-romano arn significa também concavidade, depressão topográfica. Para outros, o topónimo Arnas, de origem muito antiga (provavelmente romana), deriva directamente do latim arenas (areias). Outras posições atribuem o nome à tribo Lusa das margens do Côa, Colarni citada na ponte romana de Alcântara em Espanha, como atestam sepulturas antropomórficas e diversos vestígios arqueológicos.
Penso ainda que outras interpretações podem ser esboçadas. Que dizer de Arnas ser uma derivação de Arras? Segundo Viterbo, Arra tem origem semita pelo grego “arras, penhor”. Do grego passou para o latim arrhãbó, ou arrhãbónis, de que se vulgarizou a forma abreviada arrha, ou arrhae, donde proveio o português pelo plural arrrhas. Eram constituídas as arras por uma pequena quantia em dinheiro ou por um objecto, por vezes um anel, que uma das partes contraentes, geralmente o comprador, entregava a outro para indicar que o contrato era perfeito e que se chegara a acordo definitivo. Além desta, exerciam ainda as arras a função de sinal ou de garantia para o cumprimento de um contrato.
Em Roma, começou a aplicar-se as arras aos matrimónios, originando-se assim as arrhae sponsaliae, cuja entrega era frequentemente acompanhada de um anel. Mais tarde os romanos transmitiram-no aos Germanos. Já no reino português, empregou-se constantemente o dote sob a designação de arras. A expressão mulher arrada ou recabdada significava que estava legitimamente casada e dotada, ao contrário das barregãs.
Esta terra é depositária hoje de pormenores arquitectónicos de vetusto aspecto. Merece destaque o tecto da nave da igreja matriz (séc. XVI), o qual ostenta uma enorme pintura de Nossa Sra. da Conceição com uma singular iconografia onde um dragão aparece ferido por um raio de fogo atirado simbolicamente por uma criança. A capela de S. João Baptista é um monumento que se distingue também, com seu pórtico românico de rude singeleza. Esta capela foi primitivamente igreja da paróquia. Ao seu lado, no mesmo terreiro, ergue-se do solo uma alta e enigmática pilastra, constituída por um cuidado talhe de blocos de granito lavrados a pico piudo, com ressaibos do românico que, segundo a tradição popular, foi deslocada, para ali, do interior da capela, antiga igreja do povoado. Esta pilastra tem sido, erroneamente, tida como pelourinho. Numa pequena encosta ao nascente da povoação destaca-se uma colossal caverna com abrigo para rebanho de 100 cabeças, envolta em lendas, cujos mistérios o povo foi devassando.
Destaque ainda para o monte Muragos, no cimo do qual foram aparecendo, ao longo do tempo, vestígios arqueológicos, restos de alguma estância luso-romana. Este facto, segundo Vasco Moreira, significa que Arnas foi fundada pelos romanos na altura em que estes dominaram o castelo de Sernancelhe.
Publicado na última edição do Jornal Terras do Demo

«Autárquicas 2009» - Dia de Reflexão


Por razões óbvias, durante o dia de hoje - "dia de reflexão" - e o dia de amanhã (até às 22h00 de Domingo), não serão aceites quaisquer comentários políticos.

O blogue MoimentaNaNet agradece a compreensão.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

«Pedaladas» - Maratona 5 Cumes, Barcelos (04/10/2009)

No passado sábado, ao final da tarde, 3 atletas do Pedaladas Clube de Cicloturismo arrancaram de Moimenta da Beira rumo a Barcelos, onde pernoitaram no pavilhão gimnodesportivo local, para participarem na manhã de domingo, 4 de Outubro, naquela que é considerada a Melhor Maratona BTT do Outono em Portugal. Tal classificação não lhe é atribuída à toa, é realmente um evento marcante no panorama desportivo nacional, em BTT, claro está!

Este ano foram 2000 os participantes, sim, 2 mil BTT'istas que conseguiram fazer a inscrição nesta maratona organizada pela associação Amigos da Montanha, podiam ter sido mais, mas a organização fez por bem limitar as inscrições a 2000 praticantes deste desporto e desta forma proporcionar um excelente convívio, onde o espírito competitivo esteve bem presente, juntamente com as dificuldades (físicas e técnicas que esperavam todos os atletas) que já é apanágio deste evento.

Quanto aos 3 atletas do Pedaladas, conseguiram a seguinte classificação (percurso de 55km):

  • 154º - César Bernardo (03h 11min 29seg)
  • 268º - Luís Morgado (03h 31min 00seg)
  • 647º - Paulo Pereira (04h 18min 04seg)
As fotografias podem ser vistas aqui neste link.

Mais locais de fotos deste evento:

Local 1
Local 2
Local 3
Local 4
Local 5
Local 6

em Pedaladas.net

«BMAR» - Newsletter - Outubro 09


quinta-feira, 8 de outubro de 2009

"Região" - Corridas de passo travado em Tarouca

Decorreu no dia 29 de Setembro a XVII edição das Festas de São Miguel inserida no programa das Festas Concelhias da Cidade de Tarouca que assistiu às belas corridas de passo travado.

A iniciativa que contou com o incondicional apoio da Câmara Municipal de Tarouca atraiu à pista do Monte da Forca, centenas de pessoas encerrando com êxito, mais uma edição das Festas de São Miguel.

Cavaleiros de Moimenta da Beira, Fafe, Montalegre, Arcos de Valdevez, Vila Real e Tarouca entre outras localidades apresentaram-se em prova e animaram o último dia deste certame, do qual fez parte também a realização de uma feira de gado, durante a manhã, arrastou grande número de visitantes que se deslocaram ao concelho.

As corridas foram divididas em duas classes: Garrano Ibérico e trotadores. Destaque para as vitórias de Pedro Reis (classe Trotadores), natural de Montalegre, e de Carlos Africano (classe Não Trotadores), também de Montalegre.

Fonte: Portal Equisport

«Futebol Distrital» - Divisão de Honra 09/10:

Sampedrense 2 Moimenta da Beira 1

Sampedrense
André Maló, Baixote, Márcio, André Godinho, Schwartz, Emanuel, Jusko, Beto, Brito, Rato e Tagui
Substituições: Schwartz por João Heitor (70’) e Brito por Cordeiro (94’)
Suplentes não utilizados: Márcio Rodrigues, Moreira, Pedro, Iury e Neves.
Treinador: Fernando Silva

Moimenta da Beira
Cabreca, Tiago, Luís, Félix, Tozé, Emerson, Manu, Pedro, Domingos, Oceano e Coutinho
Substituições: Pedro por Nando (55’), Domingos por Pingato (75’) e Luís por Liedson (91’)
Suplentes não utilizados: Nuno, Salvador e Sérgio.
Treinador: José Carlos Coelho

Jogo no Estádio Municipal da Pedreira
Assistência: cerca de 200 pessoas
Árbitro: Luís Caetano (Tondela)
Auxiliares: Luís Castainça e Miguel Vieira
Ao intervalo: 1-1
Marcadores: Brito (1’), Manu (36’) e Jusko (85’)
Acção disciplinar: cartão amarelo para Tozé(36'), Oceano (43’), Tagui (44’), Emerson (52’), André Godinho (57’), Jusko (58’) e Emanuel (79’); Cartão vermelho para Rato (36’)

Para esta primeira jornada da Divisão de Honra 09/10 nada melhor do que um jogo entre os melhores classificados da época passada a seguir ao Mangualde. E diga-se desde já que foi um grande jogo de futebol. Começou melhor a equipa da casa que logo no primeiro minuto de jogo marca por intermédio de Brito. Jogada no lado esquerdo do ataque sampedrense, Jusko cruza rasteiro para a zona da pequena área onde aparece Brito a fazer o peimeiro golo do jogo. Pouco tempo depois o Sampedrense só não fez o segundo porque Jusko não quis. Estava completamente isolado, só com Cabreca pela frente, e o remate sai ligeiramente ao lado do poste esquerdo da baliza do Moimenta da Beira. Mas à medida que o tempo ia passando a equipa forasteira ia equilibrando. Manú consegue soltar-se da defesa da casa e só com Maló pela frente atira ao lado. Por volta do minuto 36 o Moimenta consegue chegar ao empate. Manu, mais uma vez, consegue isolar-se perante André Maló e desta vez não falhou restablecendo a igualdade. Pouco tempo depois o Sampedrense fica com 10 joadores devido a expulsão correcta de Rato. O jogador do Sampedrense tem uma entrada mais dura sobre Oceano que concerteza lhe iria valer o cartão amarelo. O jogador do Moimenta, Tozé, ao ver a situação empurra Rato e este tenta acertar-lhe com um pontapé e o árbitro bem ao exibir cartão vermelho ao jogador da casa, mas mal a dar apenas cartão amarelo a Tozé. A seguir a este momento o ambiente aqueceu um pouco e o médico do Sampedrense que se encontrava no banco de suplentes também recebeu ordem de expulsão. Até ao final da primeira parte aconteceram algumas falhas do árbitro Luis Caetano ao assinalar faltas que beneficivam o infractor e como exemplo disso é uma falta escandalosamente assinalada a Tagui quando foi o jogador do Sampedrense que sofreu falta. Ao intervalo o jogo encontrava-se empatado e era um resultado que se aceitava na altura. Para a segunda parte esperava-se que os forasteiros pegassem nas rédeas do encontro em virtude de estarem a jogar com mais um elemento, mas assim não aconteceu e o Sampedrense soube organizar-se muito bem defensivamente e soube anular bem o ataque moimentense. Execpção disso foi um lance protagonizado por Manu que falhou escandalosamente na cara de André Maló, uma espécie de repetição daquilo que Jusko tinha falhado na primeira parte. O segundo golo do Sampedrense nasce de uma excelente recuperação de bola por Baixote no meio-campo. Este serve Tagui na direita que cruza rasteiro para Jusko que só teve que empurrar para o fundo das redes de Cabreca. Antes deste lance de destacar um falhanço incrível de Tagui que totalmente isolado perante Cabreca rematou ao poste e na recarga João Heitor atirou fraco e permitiu a defesa de Cabreca. Vitória do Sampedrense mas o empate também era um resultado aceitável. O árbitro Luís Caetano e o seu auxiliar Miguel Vieira não feziram uma boa arbitragem assinalando vários foras-de-jogo inexistentes. No entanto estiveram bem na expulsão de Rato apesar de nesse lance também Tozé devia ter ido para a rua.

Fonte:futeboldoviseu.blogspot

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Passatempo - «Aposta de Resultados»

Tal como na época passada, o Blogue MoimentaNaNet decidiu criar um pequeno passatempo sobre o CDR.

Através deste tópico tornar-se possível apostar nos resultados do fim-de-semana dos Seniores do Clube de Desporto e Recreio de Moimenta da Beira.

Assim, vamos criar uma tabela classificativa por pontos, para ordenar os vários participantes, ao longo das várias jornadas.


Quem terminar em primeiro lugar, no final da época, apesar de não ganhar um prémio material, terá um tópico especifico onde será denominado o "MELHOR ADEPTO DO CDR"!!


Para apostar terá de colocar nos "comentários" o prognóstico, com os respectivos resultados e a identificação pessoal, ou seja, o seu primeiro e último nome (só assim será considerado como participação válida)!

As apostas apenas serão aceites até cerca de 2 horas antes do inicio dos jogos (normalmente 13h de Domingo salvo raras excepções).


Todas as semanas será actualizada a tabela classificativa, com o nome dos participantes e pontuação, ao mesmo tempo que serão permitidas as apostas para o fim-de-semana seguinte.

Poderá começar a jogar a qualquer momento da época.


Próxima jornada:

Sábado dia 10 Outubro 15h
CDR-Parada



PONTUAÇÃO:

4 pontos- Acertar "em cheio" no resultado;
2 pontos- Acertar na diferença de golos ou acertar num empate (visto que num empate a diferença de golos é sempre zero);
1 ponto- Acertar na vitória/derrota;
0 pontos- Se não se verificar nenhuma das condições anteriores;Aceitamos sugestões e estamos disponíveis para esclarecer alguma dúvida.

«Aviso» - Ministérios do Ambiente, do Ordenamento do Território e do Desenvolvimento Regional e da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas

Renova, por um período de 12 anos, a concessão da zona de caça associativa das Terras do Demo, abrangendo vários prédios rústicos sitos na freguesia de Peva, município de Moimenta da Beira (processo n.º 1526-AFN)

Col:NunoR.Bondoso

«Junta de Freguesia MBR» - Qual a lista mais forte?










PS vs PSD/CDS

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

«Futebol» - Liga de Honra 09/10 - Resultados

A.F. Viseu

Divisão de Honra
1ª Jornada

Sampedrense - Moimenta da Beira 2-1
Oliv. Frades - Paivense 2-0
Vildemoinhos - Lamego 2-2
Santacombadense - Mortágua 3-0
Sátão - Carvalhais 1-1
Molelos - Campia 4-3
Tarouquense - Lamelas(dia 5)
Parada - Canas Senhorim 1-1

sábado, 3 de outubro de 2009

SUB - Urgência Básica 24 horas por dia

O novo Serviço de Urgência Básica (SUB) de Vila Nova de Foz Côa já está a funcionar há 15 dias, mas só ontem foi inaugurado. Fica a funcionar num pré-fabricado até ser construído o novo Centro de Saúde.


A criação deste SUB ocorre no âmbito da reorganização nacional da rede de urgências. Garante o atendimento 24 horas por dia, com dois médicos e dois enfermeiros em permanência, bem como serviços de radiologia e análises clínicas.

Ao nível da região Norte é o sexto a entrar em funcionamento. Ficam a faltar os de Moimenta da Beira, Cinfães e Arouca. "Qualquer um deles abrirá nas próximas semanas", garantiu o secretário de Estado da Saúde, Manuel Pizarro, à margem da inauguração da unidade fozcoense. Dos 46 SUB previstos para todo o país, resta abrir uma dezena.

O governante espera que o novo Centro de Saúde de Vila Nova de Foz Côa possa começar a ser construído "em 2010". Quando estiver concluído acolherá o Serviço de Urgência Básica, que o governante assegura estar bem instalado, "garantindo todas as condições técnicas e de conforto exigidas a um serviço médico de urgência", apesar do carácter provisório das instalações ontem benzidas pelo pároco fozcoense.

Foi um dia "feliz" para o autarca local, Emílio Mesquita, pois viu aumentar os serviços de saúde no concelho. "A unidade de cuidados continuados já tem projecto e financiamento aprovados. O novo Centro de Saúde já tem local para ser construído e já se trabalha no projecto", anunciou.

Em relação ao novo Serviço de Urgência Básica, diz que representa uma evolução importante ao nível dos cuidados de saúde primários, pois até agora o Serviço de Atendimento Permanente do Centro de Saúde "tinha poucas valências, pouco pessoal e à mínima coisa os utentes iam logo para um hospital da Guarda".

O SUB de Foz Côa deverá servir também alguns concelhos vizinhos, como Meda, Figueira de Castelo Rodrigo e Torre de Moncorvo. O encaminhamento dos doentes para os hospitais dependerá do diagnóstico efectuado, mas o da Guarda deverá ser o destino da maioria deles.

Fonte: JN

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

"Sociedade" - Educação Sexual já é obrigatória nas escolas

A Educação Sexual nas escolas portuguesas passa a ser obrigatória já a partir do próximo ano lectivo.
Com a publicação no Diário da República, da Lei nº 60/2009, os alunos do 1º e 2º ciclos serão obrigados a uma carga horária, de no mínimo 6 horas, enquanto para o 3º Ciclo será de 12 horas. No entanto, como a lei não previu em seu texto o currículo da matéria a ser ensinada para nossas crianças e adolescentes, e ainda quais os professores aptos para leccioná-la, essa definição cabe agora ao Governo.

O executivo tem 60 dias para regulamentar a lei e igualmente proporcionar a formação específica aos docentes, ainda que os sindicatos representativos da classe professoral alertem que é muito pouco tempo para essa tarefa.
Para a professoras Lucinda Manuel,da Federação Nacional dos Sindicatos da Educação(FNE) a grande preocupação da categoria é que terão de ser pessoas altamente especializadas a leccionar esta matéria tão delicada e há muito poucos professores especializados.
Ela lamentou que “ainda não se saiba qual o grupo de professores que vai receber formação”.
Por sua vez, Albino Almeida, presidente da Confederação Nacional das Associações de Pais (Confap), está satisfeito com o papel de vigilância atribuído aos encarregados de educação. Bem como o recuo na questão dos contraceptivos, que só serão disponibilizados aos alunos em articulação com os centros de saúde.Cada turma terá um projecto de Educação Sexual a elaborar no início do ano pelo director de turma e pelo professor responsável pela Educação para a Saúde.
No projecto terão de constar os conteúdos que serão abordados e as iniciativas a realizar. Integrada no âmbito da Educação para a Saúde, a Educação Sexual terá obrigatoriamente de ser incluída nos projectos educativos das escolas e agrupamentos, nos moldes definidos pelos conselhos gerais, depois de ouvidos pais, professores e alunos.
O diploma prevê ainda que até ao início do ano lectivo 2010/2011 sejam criados em todos os agrupamentos ou escolas não agrupadas gabinetes de informação e apoio que deverão funcionar 'pelo menos uma manhã e uma tarde por semana' e disponibilizar 'um espaço na internet' para responder a questões dos alunos.

Entre os objectivos da lei espera-se acabar com a discriminação e violência baseada na orientação sexual e reduzir gravidezes não desejadas e infecções sexualmente transmissíveis. Entre as finalidades explicitadas no diploma contam-se ainda a “promoção da igualdade entre os sexos', 'capacidade de protecção face a todas as formas de exploração e abuso sexuais', 'compreensão científica do funcionamento dos mecanismos biológicos reprodutivos', bem como 'valorização de uma sexualidade responsável e informada”.
Um papel importante está reservado aos pais dos alunos,ou seja o monitoramento da aplicação da lei, estando previsto que os encarregados de educação sejam 'informados de todas as actividades desenvolvidas no âmbito da Educação Sexual'.

Actualmente, várias escolas portuguesas já distribuem preservativos. Um dos casos de sucesso localiza-se em Moimenta da Beira, com a distribuição de ‘camisinhas’ a alunos, professores e funcionários.

Fonte: Noticias do Douro

«Debate na RRT» - Confronto entre os candidatos à CM

Debate na Rádio Riba Távora, domingo dia 4, às 11h00.

Domingo dia 4 de Outubro, entre as 11h00 e as 13h00, não perca o grande debate entre os candidatos à Câmara Municipal de Moimenta da Beira na Rádio Riba Távora.

Se não estiver no alcance do emissor da Rádio Riba Távora, ouça por aqui através da internet em http://www.rrt.pt.vu/ ou http://www.moimentananet-rrt.blogspot.com/ , clique em emissão em directo.

Fonte:joseeduardofereira.com

Programa de Candidatura - Luis Carlos Silva (PSD/CDS)

PROGRAMA - Luis Carlos Silva

1. REFORÇO DO TECIDO EMPRESARIAL
a) - Ampliação do Parque Industrial de Moimenta da Beira;
b) - Instalação do Ninho de Empresas;
c) - Criação da Agência de Desenvolvimento Local;
d) – Apoio à criação de uma Empresa de Desenvolvimento Regional.

2. AUMENTO DA COMPETITIVIDADE DO ESPAÇO RURAL
a)- Construção da Barragem da Nave para fins agrícolas;
b)- Instalação do Centro de Interpretação Vitivinícola (ENOTECA – CAVES – MUSEU - POSTO DE PROMOÇÃO E VENDA);
c)- Elaboração do Plano de Desenvolvimento Florestal – PDM;
d)- Concepção de um arrojado plano de Marketing para promoção do vinho e frutas;
e)- Apoio à construção de uma Fábrica de Lacticínios em Alvite;
f)- Apoio à construção de uma unidade de transformação da MAÇÃ.
g)- Inventariação, caracterização e qualificação de sítios, monumentos e espaços de referência;
h)- Apoio à criação de Micro-Empresas para Gestão e Promoção dos Produtos (da Terra) Tradicionais;
i) - Organização da Rede de Visitas e Comercialização de Produtos.

3. QUALIFICAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS E RECURSOS EDUCATIVOS
a)- Construção do Centro Escolar de Moimenta da Beira;
b)- Construção do Centro Escolar de Leomil;
c)- Construção do Centro Escolar de Alvite;
d)- Construção do Centro Escolar de Sever;
e)- Construção do Centro Escolar de Caria;
f)- Construção do Centro Escolar de Vila da Rua/Arcozelos;
g)- Construção do Centro Escolar de Peva;
h)- Instalação da Universidade Sénior (Externato Infante D.Henrique).

4. PROMOÇÃO DA SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL
a)- Apoio à instalação do Parque Eólico da Nave/Serra de Leomil;
b)- Reabilitação ambiental do rIo Paiva;
c)- Introdução de energias renováveis em todos os equipamentos públicos Municipais;
d)- Modernização para a racionalização de consumos na Rede Pública;
e)- Apoio à Instalação de uma unidade de Biomassa no Concelho;
f)- Incremento da recolha selectiva individual (resíduos sólidos);

5. FAZER DA CULTURA UM FACTOR DE ATRACTIVIDADE
a)- Instalação do Centro de Estudos Aquilinianos – Fundação AR (Soutosa);
b)- Instalação do Centro Cultural de Moimenta da Beira – (Antiga Casa do Povo);
c)- Implementação da Ecomusealização do Concelho (2ª. Fase);
d)- Inventariação, caracterização e qualificação de todos os Monumentos do Município;
e)- Produção de uma Agenda Cultural diversificada e atractiva.

6. O DESPORTO COMO UM REFERENCIAL DE QUALIDADE DE VIDA
a)- Construção do 1º Relvado Sintético;
b)- Construção de Piscinas Descobertas e Circuito de Manutenção física;
c)- Remodelação dos Espaços Desportivos – Leomil;
d)- Implementação de um ambicioso Programa de Animação Desportiva e de Alta Competição;
e)- Criação de uma Escola para Promoção de Desportos Náuticos – Barragem do Vilar..

7. REVITALIZAÇÃO DOS CENTROS HISTÓRICOS DO MUNICÍPIO
a)- Reabilitação do Centro Histórico de Moimenta da Beira (5 Ruas);
b)- Reabilitação do Centro Histórico de Leomil/Construção do Museu da Manteiga, Biblioteca e Auditório;
c)- Lançamento de Programa de Incentivo para Recuperação do Edificado Antigo;
d)- Implementação de adequado Programa de Animação Permanente.

8. REFORÇO DA ACESSIBILIDADE, MOBILIDADE E SEGURANÇA
a)- Forte pressão junto do Governo para construção do IC26 e conclusão da E.N. 323/E.N. 329 (Vila Nova de Paiva);
b)- Introdução de Equipamentos e Sinalização para aumento da Segurança Rodoviária em todas as Estradas e Caminhos do Município;
c)- Modernização da Sinalização Indicativa;
d)- Adaptação das vias, passeios e equipamentos para adequada e segura mobilidade de todos os munícipes (principalmente os Idosos e pessoas de mobilidade reduzida).

9. PLANEAMENTO E ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO
a) - A elaboração/revisão dos instrumentos de planeamento;
b) - Plano Director Municipal;
c) - Planos de Pormenor;
d) - Planos de Urbanização;
e) - Planos de Ordenamento Comercial e Industrial;
f) - Cartas de Ordenamento Educativo, Social e Desportivo, e outros,
g) - Modelo de desenvolvimento sustentado;
h) - Requalificação urbana de centros históricos, de sítios de interesse arquitectónico e paisagístico;
i) - Espaços de recreio e lazer, da rede viária, de infra-estruturas empresariais e ambientais,
j) - Equipamentos sociais, culturais, educativos, desportivos e turísticos, melhoramento da imagem urbana e ambiental;
k) – Consolidação do tecido económico e social;

10. ACÇÃO SOCIAL
a) - Implementação do CARTÃO SOCIAL MUNICIPAL e CARTÃO FAMÍLIA MUNICIPAL;
b) - Apoio ao funcionamento da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens e implementação do Programa ESCOLHAS;
c) - Apoio e coordenação do Banco Local de Voluntariado;
d) - Apoio à criação de condições de habitabilidade (Programas SOLARH, RECUPERA, CONFORTO HABITACIONAL) e habitação social;
e) - Disponibilização de lotes a preços controlados;
f) - Atribuição de incentivos à natalidade e adopção;
g) - Elaboração da Carta Social Municipal;
h) - Implementação do projecto CÂMARA MUNICIPAL ITINERANTE;
i) - Implementação do projecto “ALDEIAS SOLIDÁRIAS”;
j) - Acção Social Escolar;
k) - Programa de TELEASSISTÊNCIA;
l) - Apoio nas taxas e tarifas às famílias Numerosas;
m) - Apoio aos idosos;
n) - Despenalização fiscal;
o) - Apoio à Regeneração Urbana de edifícios classificados ou outros localizados nos centros históricos;
p) - Dinamização do Gabinete de Apoio ao Emigrante e ao Imigrante;
q) - Criação do Conselho Municipal da Juventude e do Gabinete de Apoio;
r) - Transporte Urbano ECOMOIMENTA com veículo eléctrico;
s) - Programa de Apoio à criação de equipamentos Sociais ;
t) - Criação de Gabinete de Consultadoria Jurídica;

11. PROMOÇÃO TURÍSTICA
a. Inventariação, caracterização, qualificação de todo o Património Arqueológico Edificado;
b. Implementação do projecto de valorização turística das margens do Távora (Ecopista, Praia Fluvial e Museu ao Vivo);
c. 2a fase da ecomusealização arqueológica;
d. Valorização ambiental das margens do Paiva (Centro de Interpretação Ambiental);
e. Dinamização dos percursos pedestres (Serra, Paiva e Távora);
f. Agenda de animação turística – cultural concebida em parceria com as Juntas de Freguesia, Paróquias, Associações culturais, desportivas e recreativas;
g. Concepção de uma nova imagem promocional centrada na Paisagem / Natureza - Património- Gastronomia/ Vinhos.

12. MODERNIZAÇÃO POLÍTICA E ADMINISTRATIVA
a)- Criação do Gabinete de Atendimento ao Munícipe;
b)- Informatização de todos os Equipamentos Públicos Municipais;
c)- Articulação com Gabinetes das Juntas de Freguesia;
d)- Aumento da formação e produtividade dos Funcionários da Autarquia;
e)- Implementação do Sistema de prestação de Serviços “Câmara Itinerante”.

Fonte:luiscarlossilva.pt